Eu não vou deixar você fazer isso com você mesmo

abramovic-and-ulay-t1rx05

Ouvir isso foi como aquele tapa na cara que traz de volta para a realidade. Mas que nem por isso é indolor. Doeu muito ouvir “eu não vou deixar você fazer isso com você mesmo”. Foi a dor da libertação. Das algemas sendo arrancadas à força, levando junto parte de pele, carne e sangue.

É doloroso o fato do quanto se pode fazer mal a si mesmo e se envenenar aos poucos. Mas era chegada a hora de seguir a velha orientação de vôo:

“Em caso de despressurização, máscaras de oxigênio cairão automaticamente. Puxe uma delas, coloque sobre o nariz e a boca e ajuste o elástico atrás da cabeça e respire normalmente. Coloque-a primeiramente em você e depois auxilie os outros, caso necessário”

A verdade é que o ar já estava rarefeito. A falta de oxigênio diminui a atividade cerebral. Mesmo que a máscara estivesse ao alcance das mãos, executar os procedimentos de preservação exigia muito. Exigia um fôlego de vida a mais. Exigia um golpe de amor próprio.

Foi então que esse golpe me atingiu em cheio. Veio de fora e entrou rasgando meus pulmões, soprando um novo ar.

Pode parecer um tanto egoísta pegar a primeira máscara para você mesmo e correr o risco de ver outras pessoas não conseguirem. Mas há um altruísmo embutido no fato de que não se pode ajudar o outro a respirar se você mesmo não tem oxigênio.

Eu era o cara da poltrona ao lado. Alguém precisou colocar em mim a máscara. Quanto mais tempo você passa sem oxigênio, maiores dificuldades terá em “respirar normalmente”.

Já era hora de voltar a respirar. Aos poucos o pulmão se adapta. Aos poucos você se adapta. Aos poucos você volta ao normal.

“Eu não vou deixar você fazer isso com você mesmo”.

Já disse que foi libertador ouvir isso?

Anúncios

Sobre Renato Lima

Jornalista, estudante de psicologia, mochileiro e observador de comportamento.

Publicado em 01/07/2017, em Sem categoria. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: