Entreaberta

514a27fde791ef2b990e513d681a8a87

Sabe quando você empurra a porta com tanta força para fechá-la que ela simplesmente bate e se volta contra você, como se recusasse a ficar fechada?

Rejeitada pela maçaneta, cabe aos pobres batentes absorver a violência estampada em força, enquanto as dobradiças em um esforço intenso desafiam a física e deixam a porta entreaberta….. Não esta fechada. Não está aberta. Apenas uma fresta separa e ao mesmo tempo mantém a ligação entre o lado de lá e o lado de cá.

Por essa fresta, uma realidade distorcida confunde o contato. Luz e sombras se projetam de um lado por outro revelando parcialmente o que poderia estar ocorrendo… Um desenho disforme, carregado de sugestões, espremido naquele pequeno vão cria um caleidoscópio de presságios.

Pelo mesmo vão é possível ouvir sons incompletos. Ruídos inconstantes comunicam possibilidades de dúvida e confusão. Apenas eco de vozes já não tão claras. Sílabas que escapam pela fresta e chegam perdidas ao outro lado.

Nem fechada, nem aberta. A porta está entreaberta. Imóvel. Traduzindo o mais alto nível de incompletude. De indefinição. De reticências.

O que se vê não é o bastante. O que se houve não é suficiente. Mas há naquela fresta uma chance, remota possibilidade daquela porta de abrir novamente. Ou então, ser surpreendida por um sopro de vento que termine de fechá-la de uma vez.

Anúncios

Sobre Renato Lima

Jornalista, estudante de psicologia, mochileiro e observador de comportamento.

Publicado em 29/05/2017, em Sem categoria. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. …ou abri-la de vez…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: