Vida em Sépia

Hoje eu olhei para a minha bisavó pendurada na parede. Minha vontade foi me emoldurar e fazer companhia pra ela. Nós dois tínhamos algo em comum. Estávamos amarelados, desgastados e até esboçávamos lábios monalísticos. Pouco mais de cem anos me separam da minha bisavó. Mas nosso tom sépia era tão próximo que eu poderia me passar por meu próprio ancestral.

Sepia. Engraçado essa palavra…. Mais engraçado ainda são os noivos que optam por esse estilo de foto para lembrarem do momento mais feliz da vida deles. Sépia é justamente o contrário, pergunte à minha bisavó. Na parede a única imagem que passa é quão velha e sofrida ela estaria se estivesse viva. É como se as pessoas realmente passassem pelo tratamento de sépia….  Submetidas a um processo químico que, depois de devidamente revelado, fixado e lavado, ainda recebesse uma carga de enxofre para retirar todo o colorido natural, os tons vivos e deixar a foto com cor de chá.

Talvez minha bisavó esteja mesmo assim, todo o sofrimento foi tirando o colorido, extraindo as matizes, findando-se em uma cor melancólica vinda das profundezas do oceano.

Porém o mais interessante é que o processo químico sépia normalmente gera uma cópia mais resistente ao tempo. Então mesmo sem cor e alegria, minha bisavó vai continuar ali na parede por muito tempo ainda. Talvez esse seja o acordo…

Talvez abrimos mão do sorriso, da cor, da alegria pelo simples fato de resistir por mais tempo. O problema é que quando se está em sépia, o próprio mundo vai ficando monocromático.

Já não há mais aurora boreal… o dia fica triste…. inóspito…. imóvel…. como aquele triste quadro da minha bisavó.

Anúncios

Sobre Renato Lima

Jornalista, psicólogo, mochileiro e observador de comportamento.

Publicado em 01/05/2012, em Mood. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Reflexão interessante.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: