Spagna – A avó de Lady Gaga

*Dedico este post à todos aqueles que – com razão – sempre me chamaram de anacrônico.

Eu não gosto da Lady Gaga. A primeira a firmação  já define o teor deste post e, deixa claro minha posição parcial. Não acho que a personagem criada pela multiartista Stefani Germanotta, com muito pancake e adereços clichês, seja algo inédito, criativo e surpreendente. Basta olhar para Madonna e toda a trupe do Glam Rock. Ela mesma assume isso (menos mal).  Talvez uma publicação de suas letras em livro tornaria o conteúdo mais puro e crítico. Vale considerar as rimas satíricas e a polemização das palvras sob o contexto político e comportamental.

Mas pesquisando um pouco no baú FlashBack, encontrei a avó da Lady Gaga! A cantora italiana Ivana Spagna. Dona de um dos maiores hits da década de 1990 – CALL ME . Isso mesmo uma italiana que fez carreira cantando e m inglês. A música foi lançada em 1987 e chegou ao Brasil três anos depois (nada de internet na època).

Os nascidos na década de 80 terão que se esforçar muito para lembrar dessa música. (A não ser os anacrônicos que tiveram uma mãe dançarina, que fez uma coreografia de Jazz com Call Me. Op’s, esse é o meu caso).

Mas CALL ME atingiu todas as “Paradas de Sucesso”. Chegou a número 2 no UK Singles Chart, número 3 na Irlanda. Também na Africa do Sul,  França , ganhou um disco de prata e por ai seguiu fazendo sucesso por toda Europa e Estados Unidos, passando pela Billborad, e chegando à América do Sul.

A batida sintética dos teclados faziam a Dance Music o ritmo mais “jovem” da época, que foi marcada pelos “passinhos de dança coreografados” que arrastavam multidões nas “danceterias” (hoje as baladas, nas boates e clubs). Era uma boa maneira de interação social (meus pais afirmam).

Spagna fazia a linha “diferente”, “rebelde”, “blazê”…… figurino autêntico e alegórico, cabelo e maquiagem desproporcionais, porém propositais, compunham a imagem dessa cantora que mostrava atitude e personalidade. Qualquer semelhança com Lady Gaga não é mera coincidência.

Assim fica o registro hoje cafona e brega de um grande hit musical da época. Talvez Gaga tenha o mesmo destino daqui há uns 20 anos, talvez não. Mais uma prova de que somos todos apenas reproduções adaptadas de um comportamento que subexiste em ciclos (grifo meu!).

Com você dois vídeos de Spagna, cantando Call Me – ENJOY!

Anúncios

Sobre Renato Lima

Jornalista, psicólogo, mochileiro e observador de comportamento.

Publicado em 24/04/2011, em Cult & Filmes e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Tania Damasceno

    Eu mi lembro dessa cantora ela fez sucesso aqui no Brasil com uma unica música, eu gostei foi do nome dela que coloquei na minha cachorra Spagna, e é bom saber que ela é avó da Lade Gaga

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: