Relacionamentos em 140 caracteres!

Ergue a mão quem já desejou bloquear aquela pessoa que pisou na bola, mas você ainda tem que compartilhar a sala de aula ou o escritório com ela? Diga sim quem já quis aparecer offline quando estava num dia ruim, sendo invisível aos outros, mas continuando a fazer as atividades normais e conversar apenas com quem desejasse? Ou…. tente contar (se conseguir) as vezes que desejou ter um emoticon para substituir o sorriso amarelo da piada ou gracinha (sem graça) daquele amigo que acredita que é engraçado?

Alguém já pensou como as novas tecnologias de comunicação estão interferindo nos nossos relacionamentos  face to face?

Do MSN aprendemos a transformar amigos em janelas e podemos “gerenciar” vários papos simultaneamente…. mas basta cair numa roda de amigos (fisicamente falando) que percebemos o quão é importante olhar nos olhos da pessoa que nos fala, e isso exige “um de cada vez”. Estamos tão impregnados de MSN que nas conversas de corredor com os colegas, nossas expressões já parecem as carinhas dos emoticons! Sem contar em como descobrimos o sabor, quase homicida, de  deletar, bloquear e dar unfollow nas pessoas que não desejamos mais contato (pra sempre ou por um tempo)….E ficamos irritados quando percebemos que não dá simplesmente para fazer uma pessoa sumir da nossa frente sem cometer um crime.

Agora com o Twitter estamos nos adestrando a 140 caracteres…. Não vou me surpreender se daqui algum tempos as pessoas estarão conversando nas ruas como Beavis and ButtHead…

Não sei se isso é uma crítica, eu sempre defendi a convergência dos meios de comunicação e a pluralização do acesso a eles…. Mas a questão é: o que estamos fazendo com nossos relacionamentos? Quão passivos temos sido a essas regras, códigos e estilos de comunicação ao ponto de saírem da internet e invadirem nossas relações carnais!

Estamos ficando menos tolerantes, mais impacientes…. e bastante vulneráveis!

Anúncios

Sobre Renato Lima

Jornalista, psicólogo, mochileiro e observador de comportamento.

Publicado em 20/01/2010, em Mood. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: