Avatar em 3D

Olá Galera Feliz 2010 pra todo mundo! O primeiro post do ano ainda se remete a 2009.  A tarde do dia 25 de dezembro foi perfeita para assistir Avatar em 3D no Cinemark. Porque? Bem, um dia perdido.. morto… ocioso por tradição, quem estava em Campo Grande não tinha outra opção a não ser o shopping!

Lá Vamos nós pagar R$ 23,00 pelo ingresso! Eita terceira dimensãozinha cara! Com esse valor eu “comprei” meus óculos para vero filme! Sim porque eu paguei por eles… e não assinei nada que era emprestado ou teria que devolver… e pensando bem todo mundo paga R$ 23 e usa o mesmo óculos? Não achei certo! Então paguei e levei meus óculos, que aliás servirão de lembrança, ou um próximo filme (com o óculos tem desconto?)

Vamos ao Filme! Oh, não vou ficar reproduzindo sinopse e créditos do filme… isso tem aos montes nos sites especialziados. Minha conversa aqui é primeiramente com quem já assistiu o filme, pois vou discutir conceito e, segundamente, com quem deseja ver o filme e está em dúvida se paga ou não a mais para ver em 3D! Já adianto! Pague sim! É um dever seu ter contato com essa nova tecnologia…  Já que o I-Max não chegou aqui, o 3D é o melhor que temos! Além do filme você ganha os traillers grátis! E vem muita coisa boa por ai! Já adianto Alice nos País das Maravilhas o trailler em 3D é bem superior que o tradicional! ( O Cinemark deveria me pagar pela propaganda, mas enfim!)

Bom o filme…. já se pagou (maior orgamento da história), também justificou porque ficou tanto engavetado (overdose de computação gráfica)… E também compreende-se porque não tem nenhum super ator estrelando o longa (quase 3 horas com os traillers)! O diretor James Cameron não queria que nada chamasse mais a atenção que o conjunto da obra. E conseguiu!

James Cameron (no meu achometro) apostou na cinestesia do filme….. ele conseguiu explorar todos os sentidos do espectador! quase deu para sentir o cheiro de Pandora! Ele aflorou sentimentos com as cores fluorescentes, a trilha sonora New Age, as texturas rugosas… rompendo a barreira da ficção, sem ser melodramático.

E a história? Quem tem ouvidos ouçam…. Avatar saiu de Copenhagen direto para as Telas de Cinema! É um apelo à sustentabilidade Global…. um puxão de orelha aos homens que tentam fazer com Pandora o mesmo que fizeram com o Planeta Terra. Dominar, explorar, destruir, abandonar…. Um ciclo nada novo….. um paralelo próximo, revela que os nativos de Pandora sofreram o mesmo que os índios Apaches sofreram nas mãos dos americanos colonizadores. (acho até que eles foram beber nessa fonte histórica)

Mas nada me chamou mais a atenção que o “the Bond” (a ligação) homens e a natureza “conectados” um “vendo” o outro (I see you) como um cordão umbilical! Isso é louco e deveras profundo!  Mostra a valorização da essência do ser humano… nada de hipocrisia superficial, artificialistmos ou forçações falsificadas……. Quizá pudéssemos fazer o bond com os outros e realmente nos vermos each other!

Gente…. é filme, é ficção…. Não está no Discovery Channel… Mas os últimos filmes estão embutindo mensagens mais humanizadas… ainda que com interesses duvidosos… fica no ar…. pega quem quer!

Ah, no final …. viveram felizes para sempre! (A Revolta da Natureza contra os ataques humanóides)

P.S: mais do que a maquiagem e efeitos de computação na construção dos Nativos, gostaria de destacar as pernas atrofiadas do Jake Sully…. Realmente o cara convence  que é um paraplégico! (a Luciana tá na moda)

Críticas ????????????

Lógico…. Afinal, sou um jornalista e cinéfilo…. Pandora aparece do nada e não diz a que veio…. achei que faltou uma explicação, um “antes”. Achei também que faltou comparar os nativos com os humanos…. poucas cenas mostram que os nativos são quase gigantes, bem mais altos que os humanos, no geral parecem que são do mesmo tamanho que nós. Também achei os nativos bastante “humanizados”. É como se os Nativos de Pandora fossem mais humanos que os humanos do filme Apocaliptico (Mel Gibson). Não sei se foi de propósito, mas por retratar um “mundo” inédito,  o filme (não deveria mas) faz muitas referências a ícones que já conhecemos como os animais, estes lembram a fauna de Jurassic Park!

É, o roteiro é fraco… mesmo desde sempre Cameron deixando claro que o foco é no visual… achei que o visual consegiui sim cobrir muitas falhas, mas não todas….

Mas a indicação é para assistir o filme, tah! São apenas impressões críticas …

É isso….

Já estou preparando o próximo post!

Anúncios

Sobre Renato Lima

Jornalista, psicólogo, mochileiro e observador de comportamento.

Publicado em 04/01/2010, em Cult & Filmes. Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. Amei o filme!!! O Renato acha q o roteiro é fraco, mas como eu adoro filmes água com açúcar, achei esse bem emocionante! Great fun!

  2. Essa semana vou ver no Imax!!! Alas em!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: