Anticristo – Lars Von Trier (VOCÊ NÃO PRECISA PASSAR POR ISSO!)

anticristo

Minha experiência com o AntiCristo foi: “Assisti Anticristo e fui tomar Antiácido”. O filme dá náusea e quase somatiza as dores dos personagens no expectador.

Mas a idéia aqui não é instigar você a correr para uma blockbuster e locar o filme antes mesmo de ler este post,  mas, sim, poupar que você fique se saco cheio após 3 horas de um filme lento, quase Machadiano. Principalmente se você não curte o estilo de Von Trier.

Minha dica é: assista antes DogVille antes, se no final do filme você gostar (isso é se conseguir chegar a te o final de DogVille em plena sanidade), então tem certa imunidade ao estilo Von Trier.

Um amigo me emprestou DogVille e disse “você não será mais o mesmo depois de ver esse filme”, eu considerei a Nicole Kidman na capa e levei…. Sim, as aparências enganam. Mas meu amigo estava certo…

Voltando a Anticristo, o filme tem apenas dois atores e meio, já que o bebê morre na primeira cena. Á fotografia é em escala de cinza e são apenas dois cenários, bucólicos e Hitchcokiano. O roteiro é quase uma continuação de jogos mortais, a diferença é que em jogos mortais, no final você percebe que sempre tem um jeito de suavizar o sacrifício. Já em Anticristo não há misericórdia.

Bom…o filme é uma sinfonia de sofrimento em lá maior! Depois que assiste se pergunta- ta, mas cadê o Anticristo?

Então, para evitar que vc passe por tudo isso eu digo já o porquê desse título: o nome do filme nada tem a ver com a figura escatológica de Lucifer dominando este mundo! Cá entre nós esse mundo jaz dele…

Mas a figura “anticristiana” existe e é representada pela Natureza! Sim, a própria natureza do homem é má! (isso é o que o Von Trier quis dizer). Bom… a bíblia diz que o homem foi feito a imagem e semelhança de Deus e Deus é Bom, certo? Certo! Mas a própria bíblia também diz que quando o homem caiu, ele morreu espiritualmente e o pecado entrou nele…. (estou começando a achar que Lars acredita em Deus).

Continuando a figura de “Cristo” representa o Amor, Paz, Alegria e Justiça. Semanticamente, anti-cristo é tudo o que é oposto a esses valores, aham! Ai está o Anticristo de Von Trier… ele só mostra no filme a dor, o sofrimento, o desespero, a falta de esperança, de paz e segue a lista …..

Vale lembrar que ele produziu o filme em pleno pico, ou melhor, vale, de depressão! (ele confessou isso), e mais, o filme dele foi muito criticado em Cannes.

Agora responde, Você realmente precisa fazer isso com vc?

Anúncios

Sobre Renato Lima

Jornalista, psicólogo, mochileiro e observador de comportamento.

Publicado em 19/11/2009, em Cult & Filmes. Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. Von Trier é um cineasta dedicado à arte cinematográfica. Ele admite que faz filmes apenas para si. Pode-se afirmar depois de revê-lo, que ‘Anticristo’ nada mais é do que um exercício puramente estilístico do diretor. O filme tem sua carga excessivamente massante e deprimente. É perceptível um algo a mais de Von Trier neste filme tão controverso e difícil. Ou na verdade seja mais difícil aceitarmos nossa condição perante homem falho e por vezes selvagem…

  2. Bem lembrado PH, esaqueci de dizer que Anticristo é bem Antropofáfico!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: